Acadêmicos do Tucuruvi apresenta fantasias para próximo carnaval durante a 2ª edição de Live Show

Acadêmicos do Tucuruvi apresenta fantasias para próximo carnaval durante a 2ª edição de Live Show

Foi com três dias de muito samba que o Acadêmicos do Tucuruvi apresentou os pilotos das fantasias que serão utilizadas durante o próximo carnaval. Os protótipos foram exibidos através da apresentação teatral que a escola promoveu durante a exibição da 2ª live show “Festival de Artes Integradas – Não esquecemos do Carnaval“, transmitida durante a última sexta-feira, sábado e domingo, em seu canal oficial do Youtube e também com transmissão no canal da Liga Independente das Escolas de Samba de SP.

Durante a maratona de lives, a escola da Cantareira inovou sendo a primeira agremiação a realizar uma transmissão com plateia virtual e interação com o público. Apresentado por Waleska Gomes, a Porta-bandeira oficial da agremiação, o quadro “Alô comunidade”, realizado sempre no instagram, recebeu ao vivo integrantes da escola pelo telão, além de convidados especiais como a Presidente Solange Cruz, da escola coirmã Mocidade Alegre, o baluarte Sr.Fernando Penteado, que é um dos fundadores da coirmã Vai-Vai e também Bruno Oliveira, considerado um dos principais designer de fantasias, entre outros.

“Conseguimos fazer três dias de live com um nível ainda melhor que a nossa primeira edição. Foi muito especial ver os elogios das nossas fantasias e de toda a estrutura utilizada para a exibição da Live. Conseguimos confortar os corações da nossa comunidade e dos amigos, neste momento de pandemia, onde não podemos nos encontrar em nossa quadra para a realização dos ensaios e dos eventos. Deu para matar a saudade do Zaca com muito samba. Me senti privilegiada em poder interagir ao vivo com nossos amigos e admiradores. Foi muito especial de verdade para mim”, revelou Waleska Gomes.

 

Interprete Leonardo Bessa e Porta Bandeira Waleska Gomes
Interprete Leonardo Bessa e Porta Bandeira Waleska Gomes

 

A parte musical ficou na responsabilidade de Leonardo Bessa, o intérprete oficial da agremiação, acompanhado pelos ritmistas da Bateria do Zaca, ao comando do Mestre Serginho e todo o time musical. A live contou com um cenário extremamente luxuoso, desenvolvido em um espaço de 20 metros, onde inclusive um botequim foi reproduzido para os sambas de roda, contendo comidas e bebidas verdadeiras, com direito até a freezer e todos os demais detalhes. O evento ainda contou com muitos efeitos especiais, como Jet de CO2, fogos indoor e chuva de papel picado.

O evento foi realizado por meio da Lei Aldir Blanc, em parceria com a Secretária de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, da Secretaria Especial da Cultura, e do Ministério do Turismo, e durante as três noites de exibição, foram seguido todos os protocolos sanitários, levando segurança para todos os envolvidos, inclusive com teste do covid realizado entre o elenco.

De volta ao grupo especial, a escola tem a missão de abrir os desfiles da sexta-feira de carnaval, sendo a primeira noite do Grupo Especial Paulistano, onde o Acadêmicos do Tucuruvi tem como enredo “Carnavais…De lá pra cá o que mudou? Daqui pra lá o que será?”, o qual está sendo desenvolvido pelos carnavalescos Dione Leite e Fernando Dias, para o próximo desfile.

 











 

Crédito das Fotos: João Belli / Renato Cipriano – Divulgação

%d blogueiros gostam disto: