“Alarma TV” derruba audiência do SBT e estreia em terceiro no Ibope

Considerado o “telejornal mais violento do mundo”, edição teve casos amenos

Alarma TV hosts, Liana Gretel (left) and Jorge Antolin, on the set of their entertainment news and celebrity gossip show.

O SBT estreou, na noite dessa terça-feira, o “Alarma TV”. Exibido das 19:20h às 19:45h, o telejornal não conseguiu levantar os índices de audiência da emissora. Pelo contrário. “Alarma TV” ficou em terceiro no Ibope e registrou anti-pico de 3.9 pontos no Ibope.

Na estreia, a apresentadora trocou de figurino três vezes. Já o apresentador foi substituído por outro, sem maiores alardes.

Aliás, a falta de divulgação naufragou a audiência do policialesco, considerado o “telejornal mais violento do mundo”.

Não foi o que apareceu na estreia. Com estreia completamente editada, os casos abordados foram mais amenos.

O programa aposta em vídeos de WhatsApp e reportagens espalhadas nas redes sociais.

Segundo dados prévios, “Alarma TV” registrou 4.6 pontos de média e pico de 5.6, ocupando o terceiro lugar no ranking de audiência. A Globo liderou com 27 e a Record, em segundo, registrou 10.6. Na cola do SBT, estava a Band que cravou 3.4 pontos. Os números são prévios e poderão sofrer alteração, para mais ou para menos, no consolidado do Ibope.

A ideia de Silvio Santos era alavancar a audiência do “SBT Brasil”. Na estreia, não foi possível. Não estranhem se o dono da emissora criar uma versão brasileira da atração.