CINEMA: A direção de Di Novi em “Paixão Obsessiva”

Denise Di Novi estreia na direção de longas-metragens com o suspense dramático Paixão Obsessiva, em cartaz nos cinemas brasileiros, após deixar sua marca em Hollywood como produtora de grandes sucessos. Ela foi responsável por mais de 40 filmes e seus créditos de produção mais recentes incluem “Se Eu Ficar”, “Golpe Duplo” e “Amor a Toda Prova”.

Di Novi começou sua carreira de produtora com o filme cult “Atração Mortal”. Em seguida, ela ingressou na Tim Burton Productions, onde foi responsável por produzir vários sucessos de Burton, incluindo “Edward Mãos de Tesoura”, “Batman – O Retorno”, “O Estranho Mundo de Jack” e “Ed Wood”, além de “James e o Pêssego Gigante”.

Em 1993, ela fundou sua própria produtora, a Di Novi Pictures, dentro da Columbia Pictures, onde produziu a refilmagem de Gillian Armstrong de “Adoráveis Mulheres”. Seus créditos seguintes incluem “Da Magia à Sedução”, “Tudo Que Uma Garota Quer”; “Quatro Amigas e um Jeans Viajante” e sua sequência; “Ramona e Beezus” e “Juntos pelo Acaso”.

As protagonistas do longa, Katherine Heigl e Rosario Dawson, elogiam o trabalho de Denise na direção de Paixão Obsessiva. “A Denise foi fantástica”, afirma Dawson, que trabalhou com Di Novi pela primeira vez. “Sua experiência em produção cinematográfica fica evidente na narrativa e em cada detalhe da filmagem. Ela fez um trabalho fenomenal e eu fiquei empolgada por fazer parte do primeiro de muitos filmes que eu espero que ela dirija”.

Heigl, que colaborou com Di Novi na comédia romântica “Juntos pelo Acaso”, diz: “Eu sempre adorei e admirei a Denise. Para mim, foi muito gratificante poder trabalhar com ela como diretora. Ela deu o tom desde o primeiro dia e eu me senti totalmente segura em suas mãos”.