Dr. Lucas Teixeira fala sobre os malefícios do açúcar

Dr. Lucas Teixeira fala sobre os malefícios do açúcar

Açúcar – será que ele tem relação com o aumento de peso das pessoas nos últimos anos? A indústria do açúcar luta ativamente para mudar a opinião pública sobre os efeitos maléficos do mesmo para a saúde.

Doenças Cardiovasculares.

Ainda se culpa a gordura pelas doenças cardíacas, porém, pesquisas têm apontado o açúcar como o verdadeiro culpado. De fato, em 2016, pesquisadores descobriram um enorme escândalo da indústria do açúcar, provando que o lobby do açúcar patrocinou a pesquisa falsa de Harvard na década de 1960.

Acontece que o lobby do açúcar financiou os pesquisadores de Harvard, voltando o foco para o suposto papel das gorduras naturais na doença cardíaca .

Esta “pesquisa” errada concluiu que não havia “dúvida” de que a única intervenção dietética necessária para prevenir a doença coronariana era evitar gorduras.

Nós sabemos que isso não é verdade. Em 2014, os pesquisadores foram capazes de mostrar que a ingestão de muito açúcar aumenta o risco de doenças cardiovasculares. Açúcar e doença hepática.

A doença hepática gordurosa não-alcoólica está relacionada com o consumo de xarope de milho de alta frutose escondido em bebidas e alimentos processados.

De acordo com um estudo realizado na Universidade de Sydney no Hospital Westmead na Austrália, a doença crescente é paralela à frequência de obesidade, resistência à insulina, síndrome metabólica e diabetes tipo 2.

Açúcar e microbiota do intestino

O açúcar muda a microbiota do intestino de uma forma que , promove inflamação e aumenta a permeabilidade intestinal.

Açúcar e resistência à insulina.

Uma das funções da insulina é conduzir a glicose da corrente sanguínea para as células. Mas quando comemos uma dieta ocidental rica em açúcar, as células tendem a se tornar resistentes aos efeitos da insulina. Quando isso acontece, o pâncreas começa a secretar ainda mais insulina para remover a glicose da corrente sanguínea, porque a glicemia elevada é tóxica. Porém, a insulina elevada favorece a inflamação, piorando função mitocondrial, favorecendo o depósito do excesso de glicose em forma de gordura.

Fique atento e se informe do que é verdade e o que se esconde por trás do interesse da indústria

Ressignifique sua vida, acesse meu instagran @drlucasteixeira e meu site wwww.drlucasteixeira.com.br e acompanhe dicas de saúde e qualidade de vida.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião do Buxixo