Ex-mulher e filhos estão impedidos de comparecer ao velório de Tom Veiga, o eterno Louro José

Tom Veiga, o intérprete do personagem Louro José, faleceu no último domingo (1), vítima de um AVC (Acidente Vascular Cerebral). A notícia pegou a todos de surpresa e comoveu os fãs do ator. Tom trabalhava ao lado de Ana Maria Braga há mais de 20 anos, e a amizade ia além da tela da televisão. Nesta segunda-feira (2), a apresentadora comandou o “Mais Você” em clima de homenagem.

Muito emocionada, Ana Maria iniciou o programa exaltando a importância de Tom Veiga em sua vida, e afirmou que estava devastada com a perda. Ao longo da atração, inúmeros famosos e colegas de trabalho prestaram suas últimas homenagens, ao intérprete do Louro José, que alegrou as manhãs brasileiras, durante tanto tempo.

O corpo de Tom foi encontrado pelo apresentador André Marques, em seu apartamento, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

O ator tinha uma gravação marcada nos estúdios Globo para esta segunda (2).

O corpo de Tom Veiga será velado no Rio de Janeiro na próxima terça-feira (3). A cerimônia será restrita a amigos e familiares. O sepultamento do ator acontecerá em São Paulo, na próxima quarta-feira (4).

Segundo o jornalista Felipeh Campos, a família de Tom está vivendo um drama. A ex-esposa do ator e seus dois filhos, Alissa e Adrian, estariam impedidos de comparecer à cerimônia de despedida do pai. Isto porque a família mora em Orlando, nos Estados Unidos.

De acordo com as leis norte-americanas, devido à pandemia, somente quem possui o green card (documento livre de entrada e saída americano), pode entrar e sair dos Estados Unidos. Dessa forma, ficam proibidas as saídas de estrangeiros que moram no país.

Tom morreu aos 47 anos e deixa 4 filhos. O ator era tido como unanimidade entre amigos e colegas de trabalhos por sua alegria e companheirismo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por 🎙Felipeh Campos 🦩💍 (@felipehcampos) em