Jorge Fernando ganhará museu em sua homenagem

diretor Jorge Fernando, irá ganhar um museu em sua homenagem, na Ilha de Paquetá, no Rio de Janeiro.
A notícia foi dada por sua irmã, Maria Rebello, em conversa com a revista Quem, o museu reunirá o acervo do diretor e oferecerá cursos e palestras à população.

“Veio a pandemia e demos uma parada no projeto, mas agora retomei essa vontade do Jorge. Ele me deixou esse legado e estou fazendo com o maior amor do mundo, é uma forma de movimentar minha emoção. Estou na fase de procurar o imóvel. Ontem fomos até Paquetá: eu, minha filha, a Valéria Macedo, minha sócia e amiga, e o Crispim, que era a pessoa que tinha mais contato com o Jorge. E ele virou nossa família. Ele vai ficar tomando conta do imóvel e será o curador da Casa de Arte Jorge Fernando, que não tem fins lucrativos. A ideia é perpetuar Jorge em Paquetá, que era seu lugar preferido no mundo. Ele ia criar lá. E as cinzas dele e da minha mãe foram jogadas lá”.

O acervo do diretor conta com objetos pessoais, figurinos, roupas e trabalhos dele.

“A casa dele era um parque de diversões, dava para visitar (risos). E a Casa de Arte vai ser aberta à visitação. Também pretendo ministrar cursos de arte e quero fazer um palquinho para montar pequenos espetáculos de poesia e música. Quero que cheire à arte, como ele, que era movido à arte. Também escolhemos Paquetá porque é onde ele e minha mãe estão”.

Siga e saiba mais em @vandiniz.obuxixo