Reprodução Instagram

Justiça proíbe MC Gui de viajar sem autorização, saiba o motivo

O cantor MC Gui foi proibido pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, de viajar por mais de 15 dias sem informar a justiça, depois de ter sido flagrado em um cassino clandestino, em março, em São Paulo, além de estar também proibido de frequentar “lugares de reputação duvidosa”, como casas de prostituição e de jogos.

“Declaro, nos termos do Art. 89, da Lei 9099/95, a suspensão do processo por dois anos com as condições previstas no § 1º, incisos II a IV do mencionado artigo, ou seja, proibição de frequentar lugares de reputação duvidosa; casas de jogos, casas de prostituição, proibição de ausentar-se da comarca onde reside, sem autorização do Juiz, por mais de 15 (quinze) dias; comparecimento pessoal e obrigatório a Juízo, TRIMESTRAL, para informar e justificar suas atividades, assim que liberado o ingresso ao fórum para as referidas justificações, tudo sob pena de revogação. Determino à serventia a fiscalização das apresentações à Justiça, mediante elaboração de termo de comparecimentos”.

A decisão foi do juiz Fabrício Reali Zia, em uma audiência virtual que aconteceu dia 30 de junho.

Uma nova audiência está marcada para o dia 13 de setembro.

Justiça proíbe MC Gui de viajar sem autorização, saiba o motivo
Justiça proíbe MC Gui de viajar sem autorização, saiba o motivo

 

Lembre o caso

MC Gui e o jogador Gabigol foram flagrados em um cassino na Zona Sul de São Paulo, com mais 150 pessoas e respondem por crime contra saúde pública por aglomeração.

 O jogador e o cantor foram encaminhados à delegacia, assinaram um Termo Circunstanciado, pelo crime de infração de medida sanitária preventiva e foram liberados em seguida.

A infração prevê a pena de um mês a um ano de detenção ou pagamento de multa.

 

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal

%d blogueiros gostam disto: