Mulher de Stênio Garcia tem síndrome do pânico

Marilene Saade divulgou um vídeo nas redes sociais relembrando o período em que viveu em coma no hospital. Após uma cirurgia para retirada do útero, Mari apresentou complicações, foi internada e ficou internada por conta da SARA (síndrome da angústia respiratória aguda).

Vários fãs e admiradores do casal fizeram correntes de orações e energias positivas para os atores. Na mesma época, Stênio também foi hospitalizado.

Após receber alta, Saade contou como será o tratamento pós-hospitalar. “Estou me tratando ainda com remédios. Só quando acabar o tratamento vou ver se estou 100% curada. O pneumologista disse que tenho 15% de risco de voltar a ter problema no pulmão”, disse.

Marilene contou, ainda, que desenvolveu síndrome do pânico após as complicações de saúde. “Estou grata de estar viva, mas apavorada. Estou com síndrome do pânico. Já tinha um pouco, mas agora piorou muito. Estou mega traumatizada porque tudo está no escuro ainda”, finalizou.