Tem novidade no mercado da música: a gravadora Musimon

Tem novidade no mercado da música: a gravadora Musimon

Empresário Rodrigo Mendes e seus sócios lançam gravadora carioca que promete mudar o cenário musical do Brasil. A ideia é aproximar novos artistas e investidores

“Há muito tempo a gente escuta sobre o poder da música para geração de riqueza, artistas que começaram do zero e transformaram sua vida através da música. Mas na prática o que acontecia era a centralização desse poder na mão de meia dúzia de pessoas que dominavam o mercado”, analisa o empresário Rodrigo Mendes. Ele, ao lado dos sócios Lucas Mendonça e Jonny Green, acaba de lançar a Musimon, uma gravadora carioca que estreia com objetivos bem claros, em época de novos formatos fonográficos e de venda de catálogos de músicos para empresas: atrair artistas e investidores para o mercado da música.

“A tecnologia veio para democratizar isso ai e hoje abrir espaço para que qualquer pessoa com talento, criatividade e investimento correto possa brilhar no cenário nacional”, acredita o empresário Mendes, afirmando que a grande aposta do novo selo é o casamento entre investidores e artistas talentosos que ainda não tiveram a oportunidade de mostrar seu trabalho de forma profissional. O estúdio da gravadora fica na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Quem já quiser mandar material para a empresa pode seguir as redes sociais da Musimon.

Alto Custo

Numa época em que a música gravada ostenta números como US$ 11 bilhões de receita de streaming (reprodução da música através de plataformas digitais), eles afirmam que um dos ideais da Musimon é desobstruir o gargalo do alto custo envolvido no lançamento de um artista.

“Você tem os custos de pré-produção, ou seja, todo planejamento envolvido, os custos de produção que se referem a gravação, mixagem, masterização do fonograma (música gravada), os custos de lançamento que envolvem todo o marketing e publicidade do trabalho realizado, além de tantos outros custos”, relata o CEO Lucas Mendonça. “A Musimon nasceu para resolver esse problema. A gente traz ao investidor uma oportunidade de rentabilizar em cima do sucesso do artista, seja através de shows, publicidade ou da receita gerada pelo streaming”.

Tem novidade no mercado da música: a gravadora Musimon
Tem novidade no mercado da música: a gravadora Musimon

Lucas diz que “tem muita gente talentosa no Brasil” e que a gravadora já tem recebido diariamente material de novos nomes da música. A empresa fez parceria com a gravadora Midas, do produtor Rick Bonadio, que fará toda a distribuição, além da mentoria de marketing dos artistas.

“Entrar no mercado com uma parceria de peso dá para gente uma tranquilidade de não perder um sucesso. Estamos em vias de lançar dois grandes artistas, Gabriel Fiorioni e a Garjio no cenário e com certeza vocês irão ouvir falar muito sobre eles” completa Jonny Green, sócio e produtor musical da Musimon.

Tecnologia

O trio de sócios se conheceu através de amigos. Logo, os três identificaram uma paixão comum, a música. Rodrigo Mendes, que originalmente é empresário de tecnologia, logo teve a sacada de transformar a ideia em realidade, através de um sistema capaz de gerar transparência para os investidores sobre todos os gastos envolvidos, e o controle da receita gerada para a distribuição dos dividendos.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal

%d blogueiros gostam disto: